26 de novembro de 2014

Gotham 1x10 - LoveCraft

Antes de mais nada, e como sempre, se você ainda não assistiu esse episódio nesse texto terá alguns spoilers, então é melhor você assistir e depois volta aqui para comentar. Ok?



É meus caros, até que enfim vimos um episódio que saiu um pouco das conspirações do Pinguim e mostrou um pouco mais do Bruce e seu relacionamento com a Selina. 

Bruce ainda continua com aquele ímpeto de treinar, de melhorar suas habilidades, mesmo sem saber a razão direito. Mas parece que o senso de justiça fica ecoando em sua mente. 
Selina estava passando um tempo na mansão Wayne, mas subitamente aparecem uns assassinos contratados para dar cabo da pequena Gata. São dois homens e uma mulher, e essa se faz passar por acidentada para entrar na mansão, mas o esperto do Alfred (depois que deixou a mulher entrar) percebe do que se trata, a atrasa e manda as crianças correrem. Eles escapam pela floresta e a Selina acaba levando Bruce para Gotham, no submundo de Gotham, se é que a cidade toda já não é um submundo. 

Até que formam uma dupla bacana


Queria abrir um parêntese para as habilidades do Alfred, o mordomo. Ele manja mesmo dos paranauês. No outro episódio vimos ele ensinando boxe ao pequeno Bruce, já o vimos manejar uma espada e além disso sabe atirar muito bem. Tomara que tenha um episódio somente dele, seria legal mostrar como ele aprendeu tudo isso. 

Tudo leva a crer que LoveCraft está envolvido nisso, e Jim vai atrás dele. Mas lá chegando ele descobre que LoveCraft de nada sabia e os assassinos aparecem novamente e agora matam LoveCraft, com a arma do Jim. Mesmo com o acordo feito com Harvey Dent para não citar nomes, alguém ficou sabendo da Selina e Jim acaba interrogando Harvey para saber para quem ele espalhou.

Alfred e Bullock vão atrás das crianças, e perguntando daqui e dali chegam a Fish Mooney que com seus contatos descobre onde as crianças estão. Mooney que precisa ficar esperta, já que Don Falcone começa a desconfiar de algo, depois do roubo do arsenal. Pinguim que é como um agente duplo deixa Falcone com uma pulga atrás da orelha sobre um espião do seu lado. Em um jantar, Falcone atira em um de seus capangas demonstrando saber que algo acontece e não vê a hora de pegar aquele que o trai. Todos jantam com um corpo debruçado sobre o prato. 

Melhor arregalar os olhos mesmo, Mooney


Selina leva Bruce a um local subterrâneo, como um mercado de pulgas onde ela vende os produtos de seus furtos. Selina reencontra a pequena Ivy, uma menina um tanto quanto assustadora, que fugiu dos seus pais adotivos. Algo me diz que teremos ai a Ivy Poison? Será? 
Selina tenta vender uns itens para seu receptador, itens pertencentes a Bruce, que não fica nem um pouco com medo do receptador ao ver que ele queria pagar uma ninharia pelos pertences. Mas essa insolência acaba fazendo com que eles fiquem presos em uma sala, já que os assassinos estão atrás dela. 

Menina meio esquisita

Alfred e Bullock chegam ao mercado e são recebidos por tiros, logo após Jim chega. Bruce e Selina escapam de onde estavam presos. E na troca de tiros um dos assassinos acaba preso, mas a chefe foge, não antes pegar Bruce e interrogar onde a Gata está. Bruce sem saber ao certo diz que ela fugiu. A assassina então poupa a vida do pequeno Bruce, mas antes de sair solta uma frase de efeito. 
Alfred e Bruce se reencontram e todos ficam felizes. 

Jim, que mandou o prefeito ir à um lugar não muito agradável, acaba sendo transferido para o Asilo Arkham, para ficar como uma espécie de carcereiro dos internos. Ou é isso ou é a rua. 

Agora Gotham somente o ano que vem. E por esse episódio Mid-Season Finale parece que ano que vem vai ser muito interessante.

E é isso ae.

25 de novembro de 2014

Stalker 1x08 – Skin






 
Não preciso dizer que se você ainda não assistiu, pode contar spoiler, o risco é seu :D

 
Engraçado assistir a Stalker e The Big Bang Theory e os dois mencionarem no Nazismo. O que isso tem de relevante? Nada. Apenas achei legal. Vamos lá... 




Será que uma pessoa não tem o direito de recomeçar?
Até quando temos o direito de interferir na vida de alguém?
A famosa “segunda chance” é válido para todos?


Achei legal esse episódio por tocar em um tema interessante, aquelas pessoas que mudam de vida e deixam um passado um tanto quanto sombrio para trás. Mark é um pai de familia, morador no subúrbio que vê sua vida e de sua família sendo ameaçada quanto alguns skinheads resolvem mexer em um passado que ele resolveu esquecer. Mark já foi um, e hoje é casado com uma mestiça, e isso não agrada muito aos viúvos de Hitler. Chad foi um dos iniciados por Mark, e leva tudo muito a sério. E começa uma perseguição para que Mark volte a sua antiga vida, uma vida que ele quer esquecer. 


Mas não é só isso, quando esses fatos começam a vir à tona, toda vizinhança, antes solidária e atenciosa, começa a se virar e temer Mark, como se ele ainda fosse aquele cara que propagava o Nazismo.  


O tema é muito interessante. Vai desde a mudança de vida, passando pela escolha pessoa de ideologias e políticas. Cada um pode sim escolher o que quiser, mas tem que ter em mente que nem sempre é o correto. E quem existem sim pessoas diferentes, com pensamentos diferentes, e que precisam ser respeitadas. 


Jack e Amanda parece que estão começando a se entender, e o pequeno Ethan acaba ouvindo uma conversa que ele não deveria.  A Ten. Beth Davis continua aquela pessoa fechada e focada, sem deixar transparecer muito de seus sentimentos. E nas suas correspondências algo volta a mexer com seu passado de vítima de perseguição. 

É isso ae... 

24 de novembro de 2014

Séries do dia

 Alguns episódios acumulados por conta do feriado, mas ai vamos nós.... 


Constantine 1x05 - Danse Vaudou

Ele ainda não mudou o cartão de visitas



Ainda não senti aquele ‘tchan’ por essa série, o que eu sei sobre Constantine é apenas o que vi no filme estrelado por Keanu Reeves, e pelo que já apurei não é uma boa fonte de informação. 


Esse Constantine é baseado mais na HQ do que no filme, até mesmo a vestimenta e o tipo físico iguala ao personagem da HQ. O primeiro episódio havia vazado e acabei vendo bem antes do lançamento, quando foi lançado oficialmente assisti novamente. Não fiquei empolgado, achei legal, apenas. Depois disso algumas mudanças com personagens e parece que começa a tomar forma, mas não sei ainda se tem uma história, sair por ai atrás de ‘eventos paranormais’ pode acabar ficando chato demais.  Antes parecia que não tinha para onde ir. No caso desse episódio eu achei mais interessante, a história foi mais legal, e foi introduzido um novo personagem, Spectro.  Constantine não é aquele herói que todos esperam ou que conhecemos, ele parece ser meio egoísta e arrogante. Mas ele é realmente bom no que faz, e quando tem certeza de algo desafia quem quer que seja. Apesar de achar alguns truques dele bem forçados eu acabo achando legal. 





Resurrection 2x07 - Miracle

Desenrola carretel...



Estou acompanhando essa série de teimoso, só para saber como vai ser o final de tudo. E confesso que estou com medo de me arrepender. Assim como me arrependi com The Following que vi a primeira temporada e tinha tudo para ser sensacional mas se tornou muito idiota. No caso de Resurrection eu ainda não consegui pegar o esquema, o que realmente pode estar acontecendo, a razão do “governo” estar no meio, todas as ligações entre esses mortos e os vivos, pessoal querendo vingança e aparar algumas arestas soltas. Fica tudo meio confuso às vezes. Eu realmente espero que o final seja bom, e a explicação de tudo o mais plausível possível, mas acho difícil. 


Nesse episódio vemos a dúvida da escolha de Rachel, se quer ou não tomar a vacina para melhorar os sintomas da gripe que afeta os renascidos, ou afetava, já que Ray tem os mesmos sintomas e não é um renascido, isso deixou a todos um tanto quanto temerosos. Tom tenta convencer Rachel a tomar a vacina pensando em salvar seu filho, mas ninguém sabe como a vacina irá reagir em uma gestante. Marty resolve então abrir o jogo para Tom dizendo que a vacina funciona sim.  E a consequência é contar para Maggie. Ainda não entendi qual é a da matriarca dos Langston. Com certeza ela está envolvida de alguma maneira no incêndio da fábrica ,e saber como fazer para que os renascidos vão embora me deixou um tanto quanto intrigado, visto que isso já ocorrera no passado e ela estva envolvida. Acho a história um pouco confusa às vezes, e até em alguns momentos fico meio boiando. O jeito é esperar o que vai acontecer.






The Walking Dead 5x07 - Crossed

Rick chutando bundas, algumas mortas.... 



Acho que não tem o que falar sobre TWD. Acredito que os orfãos de Breaking Bad (eu me incluo nessa) estão lidando bem com essa falta, visto que TWD está ótima. O primeiro episódio dessa temporada fiquei um tanto quanto receioso com a continuação. O episódio foi muito bom, e fiquei pensando se continuariam com a mesma pegada. E tenho que dizer que sim. Para mim está ótimo. Pode não ter aquelas emoções das outras temporadas, explosões , tiros e mortes, mas a tensão está no ar e não deixa você desgrudar da tela. O episódio passa muito rápido. 


Em 5x07 ainda temos os fatos relacionados a confissão de Eugene, que eu particularmente fiquei com uma puta raiva. Eles não sabem bem o que fazer, e estão lá esperando ele acordar e tentando fazer Abraham cair na real. Enquanto isso na igreja, o pessoal do Rick resolve ir atrás de Carol e Beth, depois de terem capturado Noah e ele dizer onde elas estão.  O padre cagão para variar resolve fazer besteiria,  não sei porque não some logo, é um peso morto, nada mais. 


O plano de Rick é simples: sequestrar os guardas e entrar no hospital para tentar fazer acordo com a Dawn. Mas nem tudo é tão simples quanto parece, e parece que nesse tempo todo algumas pessoas não aprenderam a não confiar em todo mundo.

Teremos apenas mais um episódio esse ano, depois somente em Fevereiro, e se seguir o padrão vai ser um episódio daqueles que nos fará contar os dias até o dia 9 de Fevereiro.



Gotham 1x09 - Harvey Dent

Esse pequeno Bruce...



Gotham está muito bem. No começo parecia ser algo sensacional, mas ela não mostrou nada do que não haviam falado, mas nem por isso deixa de ser muito boa.

Nesse episódio tivemos a introdução de Harvey Dent, que ser á conhecido como Duas Caras. É estranho ver uma série como essa já que você sabe o que eles vão acabar se tornando, mas o instigante é saber como isso vai acontecer. Vemos  Jim tentando lutar contra o ‘sistema’ de Gotham, contra os corruptos e procurando ajudar o pequeno Bruce. Nessa de querer ajudar ele envia Selina Kyle (a Mulher Gato) para morar na mansão para portejê-la, já que ela é a única testemunha da morte dos pais de Bruce. À princípio Alfred não gosta, mas percebe que a garota até que faz bem para ele. Veremos até quando. Fish Mooney continua na sua missão de derrubar Don Falcone e o Pinguim cada dia mais vai montando sua teia e fazendo seus ‘aliados’. Com certeza ele é o melhor da série até o momento. Já tivemos a introdução de vários personagens e até agora não vi uma menção do Coringa, estou aguardando muito esse personagem. 


No caso de Harvey Dent me chamou atenção ele ser bem mais velho que Bruce, nas HQs e filmes eles parecem ter a mesma idade. Vamos ver como vão lidar com isso.  Nesse episódio não teve algo sensacional, Jim e Bullock tentando ajudar um preso que foi sequestrado foi o foco. Claro que gostei da resposta dele para o prefeito. E por causa dessa resposta, o prefeito teve a ‘brilhante’ ideia de mandar todos os criminosos para o asilo Arkham. Acho que agora o bicho vai pegar por lá. Teremos mais um episódio esse ano, depois somente em Janeiro para fechar a temporada. Parece que já foi renovada, então veremos Jim e Bruce em 2015.


E é isso ae...