11 de janeiro de 2019

A Livraria [Filme Netflix]



Florence Green (Emily Mortimer) retorna à sua antiga casa, após ficar viúva, e com sua paixão por livros ela resolve montar uma livraria no local, e retomar sua vida. Mas, a casa tem um certo valor histórico, então, a poderosa e temida Violet Gamart (Patricia Clarkson) quer impedir o sonho de Florence para transformar sua casa em um Centro de Artes.


Esse filme mostra, a mesquinhez das pessoas. Como algumas delas são baixas, falsas e usam de subterfúgios absurdos para conseguirem o que desejam, sem se importar com a vida da pessoa que é o alvo. Por mais que a pessoa seja boa, não importa. E muitas pessoas, por inveja, falta de coragem ou algo que não sei explicar, preferem o lado "mais fácil", ou seja, o lado mal. Não sei se espera algo em troca, mas a maioria quer isso, ajuda o poderoso para poder receber uma recompensa. O interesse pessoal vem sempre primeiro. Fofocas, mentiras, invenções, tudo feito para prejudicar. Parece, para algumas pessoas, ser impossível que outras sejam felizes, e ter a consciência que as coisas não são todas dos jeito que elas querem. Ah, como odeio essas coisas.




Mas, Florence procura deixar tudo isso de lado, seguir sua vida e não aceitar essas imposições, e isso chama a atenção de de  Edmund Brundish (Bill Nighy). Um senhor solitário que preferiu a reclusão do seu lar e a companhia dos livros. Ele recebe livros de Florence, que faz a fez de uma curadora, enviando títulos para que ele conheça ou alguns que ele solicita, e isso aproxima as duas pessoas.  Temos, também,  coisas boas como o valor da amizade da pequena Christine (Honor Kneafsey) que vai trabalhar na livraria para ajudar Florence. Uma menina muito esperta e inteligente, que tem em Florence alguém que fará parte da sua vida. Existe o nascimento do amor, vindo do respeito mútuo e admiração. E o sentimento de missão cumprida. 



A Livraria é um filme para ver sem pressa, para ser admirado, assim como os livros.  Apesar de um pouco triste (essa interpretação pode variar de pessoa para pessoa), o filme é bonito, tem uma grande mensagem. A fotografia do filme é bela, a locação é linda, várias paisagens e lugares que dá vontade de conhecer. Bom, pelo menos pra mim, que gosto de lugares assim. E a The Old House Bookshop é linda, um desejo que eu sei ser muito difícil de realizar, ainda mais nos dias de hoje.  Mesmo que a crítica não tenha gostado, eu achei um belo filme, e espero que você aprecie o filme o como eu apreciei. 






Trailer





A Livraria (The Bookshop)
2017
Drama - 1h55m
Direção: Isabel Coixet
Disponível no serviço Netflix por tempo indeterminado.


Nenhum comentário:
Write comentários